sábado, 13 de outubro de 2012

2 Anos sem medo de polêmica!

É gente, o tempo passa, o tempo vôa... Já se vão dois anos do primeiro post deste blog. Na época comecei uma campanha a favor do Serra, contra nossa atual presidente. Infelizmente, a minha campanha perdeu. Mas a Dilma até que está sendo menos ruim que o octopus anterior, embora obviamente seja pior que o Serra.
Se não consegui salvar o país da tragédia de duas letras, que fingia ser um partido democrático e social, mas na verdade o STF está provando ser um partido muito pouco correto, agora estou em plena luta para salvar Campinas, a terra onde moro, da máfia que a controlou nos últimos 12 anos (inclusive o partido de duas letras) e a maior cidade do país, São Paulo, do pior ministro da educação da história. Sei que será difícil, mas nunca vou querer parar de lutar pelo que acho melhor para o povo.
Este blog já teve mais de 42.000 visitas até agora, o que é uma média de quase duas mil visitas por mês. E há um ano não temos um mês com menos que duas mil visitas. Mesmo nos meses de julho a setembro últimos, quando não postei quase nada novo, mantivemos esse nível de visitas, o que me deixa muito orgulhoso. E muito grato pelo apoio e prestígio de todos vocês.
Tenho algumas ideias de séries na cabeça e espero postá-las ainda este ano. É só esperar. E ainda este mês farei uma retrospectiva dos 10 posts mais visitados da história do blog. É só aguardar!
Valeu gente e vamos em frente! Lutando por um país melhor, por um mundo melhor, sempre sem medo de polêmicas, porque ser politicamente correto é chato demais!

Leia também:
Um ano sem medo de polêmica

As 10 maiores polêmicas 2010-2011 (1 ano do Blog):
10. Momento Retrô: de volta ao 3.60
09. Bullying: crime
08. TV Viva e Roque Santeiro
07. Queen com Zíper na Boca
06. Trote sim
05. Juventude atual: aonde querem chegar?
04. Bobeiras educativas: aprovação automática
03. A beleza da mulher
02. A corrupção agora é descarada: viva o PT!
01. Santander - o pior banco do mundo! 


Nenhum comentário:

Postar um comentário