segunda-feira, 15 de outubro de 2012

As 10 mais dos 2 anos - posição 10

Eu tive um grande ídolo musical quando entrei na adolescência. Um cara que sabia cantar como poucos e dançar como ninguém. Já ouvi críticos isentos comentando que ele era um dançarino mais importante para a arte da dança do que foi Fred Asteire.
Uma foto que fala mais que mil palavras
Estou falando, é claro, de Michael Jackson. E no post Um talento único e uma grande vítima! falo um pouco mais desse grande mito do meu tempo de adolescência. É muito bom ter podido ver o lançamento de Thriller, um dos maiores discos da história da música.
Muitos que se acham especilistas mas pouco entendem de música na verdade irão rechaçar minha idolotria pelo velho MJ. Sim, velho, aquele dos anos 80, porque depois ele se perdeu em meio ao seu ego. Mas ele foi muito mais que um produto pop. Ele criou estilos, marcou conceitos, inventou a era do clipe. Seu disco maior, Thriller, foi super-pop sem ser repetitivo, sem ser brega, sem ser previsível. E para os rockeiros, nunca se esqueçam que a guitarra marcante de Beat It (a melhor música dele, na minha opinião) é de ninguém menos que Van Halen!
Adoro música, ouvir música é uma das coisas que sempre faço com prazer e que me deixa feliz facilmente. E para quem gosta de música e tem na faixa de 40 anos, não há como não se lembrar de MJ. Ele se foi, mas o legado dele é para sempre. Inclusive neste blog, onde o post onde falo do meu ídolo já foi lido 375 vezes!

Veja também:
2 Anos sem medo de polêmica!

As 10 mais dos últimos 2 anos
10 - Um talento único e uma grande vítima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário